Diário da Horta I – Fazendo adubo caseiro!

Hoje o post não é sobre fotografia, nem projetos profissionais. Trouxe uma dica de como estou fazendo para manter minha alimentação o mais balanceada possível, afinal, a gente tem que dividir as coisas boas da vida.

Desde de Agosto de 2015 aboli da minha alimentação temperos industrializados ultra-processados graças aos vídeos da Francine do Canal Do Campo à Mesa, e venho utilizando somente ervas secas puras. Porém esse mês eu decidi que não iria mais comprar ervas secas e iria consumir as ervas colhidas na hora do preparo e comecei a montar minha horta. Sei que tenho o privilégio de morar no interior e achar essas coisas bem baratinhas – paguei menos de R$2,00 reais nas minhas mudas e R$1,45 nas sementes – mas mesmos nas cidades grandes é muito fácil encontrar sementes para plantar em casa em jardins verticais, por exemplo.

E assim como quero cultivar minhas ervas e alimentos para manter a qualidade na alimentação, decidi fazer meus próprios adubos, para não ficar refém da industria dos fertilizantes e agrotóxicos que fazem tão mal quanto. Então criei uma logística para reaproveitar as cascas das frutas que separo para meu consumo durante a semana para adubar minhas plantinhas. Porém como, mesmo morando quase em um sítio, minha horta está em vasos, não teria como fazer a compostagem tradicional com as cascas inteiras,ai me veio a brilhante ideia de bater tudo no liquidificador e fazer uma papinha para minhas plantinhas.

Gravei todo o processo de “feitura” e aplicação nos vasos e coloquei no canal para vocês.

Pretendo à partir desse vídeo criar um diário da minha horta mostrando como ela vai evoluir, tudo o que aprendi de certo e tudo o que deu errado, estimulando assim em vocês esse gosto por criar a própria comida em casa.

Por enquanto é assim que está minha horta

Tenho poucas “espécies” perto do que quero ter, hoje tenho apenas:

  • Alecrim
  • Orégano
  • Cebolinha
  • Arruda
  • Pimenta Jalapeño
  • Hortelã
  • Manjericão
  • Acerola
  • Pimenta dedo-de-moça
  • Tomate Cereja
  • Salsinha
  • Coentro

(sendo que esses 4 últimos eu plantei hoje e não sei como ficarão nos próximos diários)

Espero que esse post inspire vocês, e mais do que nunca peço para que compartilhem com todo mundo para que possam aderir à uma alimentação mais saudável e se ver livres dos famigerados temperos ultra-processados.

Por hoje é só. Vejo vocês por aí.

Tchau!

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s